Por que se mover?

Por que se mover?

Por que sair do sofá? Por que deixar o conforto e prazeres imediatos, como comer e beber, e se propor a suar a camisa, se esforçar, errar, tentar novamente e seguir em frente?

Para melhor explicar, cito alguns trechos da reportagem do meu professor, a quem admiro muito, Ido Portal. Se quiser saber mais, clique a cima e assista a reportagem.

Então, por que nos mover?

Ido: ” Nós somos animais! Somos produto desta evolução. Está em algum lugar dentro da gente. O sistema foi evoluindo através desses estágios, nos permitindo então, possibilidades para mover nossa espinha, termos qualidades aquáticas, mantendo assim a liberdade.”

“…a quadrupedia e sua forma ainda existe dentro dos nossos corpos.”

“portanto, explorar essas coisas é explorar a si mesmo, explorar sua história, explorar de onde você veio, essa é uma das razões do por quê se mover.”

” A segunda razão, eu amo qualquer possibilidade que exista de movimento, qualquer possibilidade que está no meu corpo, está lá, então eu gostaria de explorar.”

“… Porque a gente não precisa de outra razão. Pois a gente vive nesse corpo, e qualquer dia é dia de explorar essas coisas.”

” Uma vez que a gente começa a perder essas funções, você passa a rezar para todos os deuses para ter 10% do que tinha. Mas por que ir até esse limite? A gente não precisa disso.”

” Nós precisamos apreciar todos os dias – assim como o esplendor do sol – nosso corpo, nosso pescoço e seu movimento em círculos em deslizes, nos mover.”

“Por isso devemos sustentar e manter nosso movimento.”

Portanto:

” A melhor razão para se mover é porque você pode.”

Apenas isso. Por isso temos muito prazer em nos mover, nos realizamos, porque faz parte da nossa natureza.

MOVA-se!!

Gostou do post? Comente e indique nossa filosofia. Assim sempre teremos bons assuntos a compartilhar.

Juliana Ota
juotabozano@gmail.com
No Comments

Post A Comment